Política

 Enviar matéria por e-mail

Ibram vai liberar todas as licenças ambientais no DF

O governador José Roberto Arruda anunciou a mudança, hoje, no lançamento da nova Linha Verde na EPTG

Tamanho da Fonte     Thaís Afonso
tafonso@jornaldacomunidade.com.br
 Redação Jornal Coletivo

O governador José Roberto Arruda (DEM) vibrou com a edição do Diário Oficial da União de hoje. É que a partir desta data, o Distrito Federal ganha maior autonomia em relação às futuras obras na cidade. Um decreto publicado  no Diário Oficial da União determina que o Instituto Brasília Ambiental (Ibram) seja o responsável pela liberação das licenças ambientais, e não mais o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama). “Brasília terá o direito de licenciar suas próprias obras, com essa decisão, o presidente Lula devolve a autonomia à cidade”, afirma o governador José Roberto Arruda. O anúncio foi feito durante a inauguração da via de ligação entre o Setor de Cargas e Transporte e a Estrada Parque Taguatinga. A nova pista permitirá que os motoristas, especialmente os caminhões, acessem o setor de Cargas sem a necessidade de entrar no fluxo de trânsito interno do Setor de Indústria e Abastecimento (SIA).


No mesmo evento, o governador José Roberto Arruda lançou a obra da Linha Verde, via que será construída acompanhando a Estrada Parque Taguatinga e Guará com corredor específico para ônibus e micro-ônibus, além de 18 estações para ônibus articulados que serão interligados à estação Asa Sul fazendo a integração com o metrô e outras linhas do sistema. Em cada um desses pontos haverá bicicletários para locação de bicicletas. Segundo o administrador do SIA, Miguel Lunardi, esta obra diminuirá o intenso fluxo de veículos no local, que diariamente chega à marca de 1,5 carros por dia.

 

“Antes os caminhões tinham que trafegar no interior do SIA, o que gerava muito congestionamento, principalmente próximo à Feira dos Importados”, ressalta. Os empresários aprovam a nova via. Segundo o empresário Levi Berlim, a novidade no trânsito facilitará o trabalho dos caminhoneiros. “É uma obra simples, porém desafogará o trânsito”, disse.  A via irá diminuir o tráfego nos horários de pico, tanto no SIA quanto na EPTG.

[legenda=O governador José Roberto Arruda explica no Setor de Indústria como irá funcionar, o sistema de transportes quando a obra ficar pronta][credito=Foto: Mary Leal/GDF]

Classificação Atual       ( 1 ) Dê a sua classificação:      


É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do Grupo Comunidade

Home | Contato | Expediente | Anuncie | Receba nossas Publicações

Grupo Comunidade de Comunicação © 2008 | Política de Privacidade | Termos de uso