Nacional

 Enviar matéria por e-mail

Homem e mulher morrem em ataque de abelhas africanas

Luciano Pazzini Stein, 34 anos, ao tentar se livrar das abelhas, se atirou em um açude e morreu afogado. Na Bahia, idosa foi morta no banheiro

Tamanho da Fonte      Redação Jornal Coletivo

São Paulo e Bahia – Enxames de abelhas africanas atacaram, ontem, um homem que acabou morrendo afogado em um açude da cidade paulista de Avaré, e uma idosa na porta de sua casa em um bairro da cidade de Salvador.


Segundo informações do Corpo de Bombeiros, o afogamento ocorreu na Fazenda Santo Antônio, onde há uma clínica de reabilitação de dependentes químicos. Luciano Pazzini Stein, 34 anos, era interno do local.


Ainda segundo os bombeiros, Stein trabalhava em uma área reservada para a apicultura. Ao tentar fugir das abelhas, ele se jogou no açude. O corpo do homem foi encaminhado para o IML.


Já no bairro do Politeama, da capital baiana, Maria Juliana Santana Oliveira, 83 anos, chegou a ser levada para um hospital, mas não resistiu às picadas dos insetos. O corpo deu entrada no IML para a necrópsia e foi liberado para o sepultamento hoje.


A Companhia de Polícia de Proteção Ambiental (Coppa) informou que o local do enxame foi identificado, no banheiro de um apartamento no terceiro andar, entre o forro de gesso e o telhado. A pulverização do local com fumaça e a remoção do enxame foram feitas pelos policiais. De acordo com os moradores, este é o primeiro ataque de abelhas registrado no bairro e os funcionários da Coppa ainda não sabem informar o que teria incomodado as abelhas.


Classificação Atual       ( 2 ) Dê a sua classificação:      


É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do Grupo Comunidade

Home | Contato | Expediente | Anuncie | Receba nossas Publicações

Grupo Comunidade de Comunicação © 2008 | Política de Privacidade | Termos de uso